O RELATIVISMO CULTURAL E O HOMICÍDIO DE CRIANÇAS INDÍGENAS NO BRASIL

Lucas Tabanez Murta SOUZA, Caio Augusto de Souza LARA

Resumo


RESUMO

O tema-problema da pesquisa que se pretende desenvolver é o relativismo cultural como pretexto para a negligência do Estado brasileiro frente ao homicídio de crianças indígenas. É importante salientar que o princípio da tolerância é um argumento sedutor que pode ser utilizado tanto para ação quanto para a negligência. Por essa razão, Melly afirma que “quando países elevam práticas culturais, é comumente para justificar seu fracasso em suportar os termos do tratado” (MELLY, 2003, p.68, tradução nossa). [...]


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.