RECURSOS HÍDRICOS, AGROPECUÁRIA E SUSTENTABILIDADE: DESAFIOS PARA UMA VISÃO ECOLÓGICA DO PLANETA

Maria Cláudia da Silva Antunes de SOUZA, Hilariane Teixeira GHILARDI

Resumo


RESUMO

O presente artigo científico possui como tema principal análise do instituto dos recursos hídricos, os impactos ambientais e socioeconômicos da agropecuária ao alcance de uma visão ecológica do planeta. Seu objetivo geral é analisar os impactos ambientais e socioeconômicos do consumo indiscriminado e contaminante da água, bem como, os desafios para alcançar a efetivação do princípio da sustentabilidade. A pesquisa se justifica em virtude da relevância do tema, uma vez que, trata-se de um assunto em voga, por ser a água um bem essencial para a continuidade da vida. De maneira que, deve se levar em conta todas as questões ambientais pertinentes na gestão, considerando o bem mais importante para a sobrevivência de todas as formas de vida conhecidas. Na metodologia foi utilizado o método indutivo na fase de investigação; na fase de tratamento de dados o método cartesiano e no relatório da pesquisa foi empregada a base indutiva. Foram também acionadas as técnicas do referente, da categoria, dos conceitos operacionais, da pesquisa bibliográfica e do fichamento.

PALAVRAS-CHAVE: Recursos Hídricos; Sustentabilidade; Impactos Ambientais; Agropecuária.

 

ABSTRACT

This paper has as main theme analysis of the water resources Institute, the environmental and socioeconomic impacts of farming within reach of an ecological vision of the planet. Its general objective is to analyse the socio-economic and environmental impacts of the indiscriminate consumption and water contaminant, as well as the challenges to achieve the implementation of the principle of sustainability. The research is justified in view of the relevance of the topic, since this is a subject in vogue, as the water a right essential to the continuity of life. So that, should take into account all the relevant environmental issues in management, considering the far more important for the survival of all known forms of life. In the methodology we used the inductive method in the research stage; in the data processing phase the Cartesian method and in the report of the survey was employed the inductive base. Were also thrown for techniques, category.

KEYWORDS: Water Resources; Sustainability; Environmental Impacts; Agriculture


Referências


ALLAIS, Catherine. “O estado do planeta em alguns números”. In: Martine Barrère (coord.). Terra, Patrimônio Comum: A Ciência A Serviço Do Meio Ambiente E Do Desenvolvimento. São Paulo: Nobel, 1992.

ANA – Agência Nacional de águas. Disponível em: http://www2.ana.gov.br/Paginas/projetos/ProgramaProdutorAgua.aspx Acesso 17 agosto 2015.

BOFF, Leonardo. A Água No Mundo E Sua Escassez No Brasil. Disponível em: https://leonardoboff.wordpress.com/2015/02/02/a-agua-no-mundo-e-sua-escassez-no-brasil. Acesso 10 ago 2015.

_______. Sustentabilidade: O Que É, O Que Não É. Petrópolis, 4 ed. RJ: Vozes, 2015.

BOSSELMANN, Klaus. O Princípio Da Sustentabilidade: Transformando Direito E Governança. Tradução de Phillip Gil França. São Paulo: Revista dos Tribunais, 2015.

CANOTILHO, José Joaquim Gomes. O Princípio Da Sustentabilidade Como Princípio Estruturante Do Direito Constitucional. Revista de Estudos Politécnicos. 2010, Vol. VIII, n. 13, 007-018. Disponível em: http://www.scielo.oces.mctes.pt/pdf/tek/n13/n13a02.pdf. Acesso em 11 abril 2016.

CAPRA, Fritjof. A Teia Da Vida: Uma Nova Compreensão Cientifica Dos Sistemas Vivos. 11 ed. São Paulo: Editora Cultrix, 1996.

DANTAS. Marcelo Buzaglo. SCHMITT. Guilherme Berger. Os Desafios Da Sustentabilidade Ambiental Na Gestão Dos Recursos Hídricos: O Papel Do Direito E Do Poder Público No Brasil E Na Espanha. Água, Sustentabilidade E Direito (Brasil - Espanha). Recurso Eletrônico. Organizadores Andrés Molina Giménez [et.al]. Dados eletrônicos. Itajaí: UNIVALI, 2015. Disponível em: .

EMBRAPA - Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento) Disponível em: https://www.embrapa.br/agua-na-agricultura/perguntas-e-respostas Acesso 15 ago 2015.

FIGUEIREDO, Guilherme José Purvin de. Curso De Direito Ambiental. 5 ed. São Paulo: Editora Revista dos Tribunais, 2012.

FIORILLO, Celso Antonio Pacheco. Curso de Direito Ambiental Brasileiro. 5 ed. São Paulo: Saraiva, 2004.

FREITAS, Vladimir Passos de (Cood.) Águas – Aspectos Jurídicos E Ambientais. Curitiba: Juruá, 2000.

GIMÉNEZ, Andrés Molina. La Reutilización De Las Aguas Residuales En España - Un Modelo De Sostenibilidad. Revista Eletrônica Direito e Política, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Ciência Jurídica da UNIVALI, Itajaí, v.6, n.2, 2º quadrimestre de 2011. Disponível em: www.univali.br/direitoepolitica - ISSN 1980-7791.

GRANZIERA, Maria Luiza Machado. Direito de Águas: Disciplina Jurídica Das Águas Doces. São Paulo: Atlas, 2006.

MACHADO, Paulo Affonso Leme. Direito Ambiental Brasileiro. 6. ed. São Paulo: Malheiros 2015.

MEIRELLES, Hely Lopes. Fundamentos Legais Para O Combate A Poluição Das Águas. Revista Jurídica p. 56-62. Disponível em: http://download.rj.gov.br/documentos/10112/1282070/DLFE-55807.pdf/REVISTA1456.pdf Acesso 13 ago 2015.

MILARÉ, Édis. Direito do Ambiente. 8 ed. São Paulo: RT, 2014.

MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE. Declaração da Conferência de ONU no Ambiente Humano. Disponível em: Acesso 25 jan 2016.

NOSSO FUTURO COMUM. Comissão Mundial sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento. Rio de Janeiro: Editora da Fundação Getúlio Vargas, 1988.

ONU. Declaração da “ONU Água” para o dia mundial da água 2010. Disponível em: . Acesso 12 jan 2016.

PLATAFORMA ODS. Disponível em: http://plataformaods.org.br/os-ods/ods6/ Acesso 08 jan 2016.

SOUZA, Maria Claudia da Silva Antunes de Souza. 20 Anos De Sustentabilidade: Reflexões Sobre Avanços E Desafios. Revista da Unifebe. 2012; 11 dez: p. 239-252. Disponível: http://www.unifebe.edu.br/revistaeletronica/. Acesso em 15 fev de 2014.

Avaliação Ambiental Estratégica: Possibilidades E Limites Como Instrumento De Planejamento E Apoio À Sustentabilidade. Belo Horizonte: Arraes Editores, 2015.

SOUZA, Greyce Kelly Antunes de. Sustentabilidade E Sociedade De Consumo: Avanços E Retrocessos. Teoria Jurídica E Transnacionalidade: v. 1. Recurso Eletrônico. Organizadores. Maria Cláudia da Silva Antunes de Souza, Charles Alexandre Souza Armada Dados eletrônicos. Itajaí: UNIVALI, 2014. Disponível em: .

TRIGUEIRO, André. Meio Ambiente No Século 21. Rio de Janeiro: Sextante, 2003.

WWF- Brasil. Disponível em: . Acesso 12 jan 2016.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .