CONTROLE SOCIAL E POLÍTICAS PÚBLICAS: UM DEBATE FUNDAMENTAL PARA O AMPARO AOS IDOSOS

Janaína Machado STURZA, Juliana Bedin GRANDO

Resumo


RESUMO

O presente artigo analisa a questão do reconhecimento das minorias. O foco do trabalho é, contudo, o reconhecimento dos idosos como grupo minoritário, para que ocorra o consequente respeito à sua cidadania. Discute como ocorre essa proteção aos idosos através de legislação específica. Analisa como as políticas públicas constituem-se em uma importante alternativa para a efetivação dos direitos positivados, bem como para a conquista de novos direitos. Destaca como ocorre essa proteção pelas políticas públicas. Analisa como o Estado exerce o papel de controlador social. Verifica como surge uma segunda possibilidade para o entendimento acerca do controle social, a ser exercido pela sociedade civil.  Discute, ainda, como esse novo contexto do controle social pode influenciar no papel a ser desempenhado pelas políticas públicas no reconhecimento das minorias, em especial, aos idosos.

PALAVRAS-CHAVE: Minorias. Idosos. Políticas públicas. Controle social.

 

ABSTRACT

This article examines the issue of recognition of minorities. His focus, however, is the recognition of the elderly as minority group to occur consequent respect for their citizenship. Discusses how this protection occurs for the elderly through legislation. Examines how public policies constitute an important alternative for the realization of positivized rights, as well as winning new rights. Highlights how this protection occurs by public policies. It also analyzes how the state plays the role of social control. Checks arises as a second chance for the understanding of social control to be exercised by civil society. It also discusses how this new context of social control can influence the role to be played by public policies in recognition of minorities, especially the elderly.

KEYWORDS: Minorities. Senior citizens. Public policies. Social control.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais



Revista Jurídica e-ISSN: 2316-753X

Rua Chile, 1678, Rebouças, Curitiba/PR (Brasil). CEP 80.220-181

Licença Creative Commons

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.